Dri Camillo

19/05/2017

Crônicas

Filed under: Crônicas — by dricamillo @ 10:45
Tags:

UBERSAFADÃO

(dricamillo)

Faço uso constante de Uber por não dirigir.

Hoje não foi diferente. Digo, foi!

Foi muito diferente de todos os outros que já peguei.

Chovia quando entrei no Uber do Ricardo, o rico.

Coloquei meu guarda-chuva molhado no piso do automóvel preto bem cuidado.

Ricardo virou a cabeça 180 graus para verificar o dano, olhou para a frente contrariado.

Aumentou a rádio numa “Sofrência” (que odeio) com gosto.

Pegou uma bala, tirou o papel como um ritual e levou à boca com prazer.

Parei, esperei, nada…

Ué? E aquele esquema que me ofereciam balas insistentemente e perguntavam qual a rádio da minha preferência, ar condicionado, etc?

Mimada eu?

Totalmente mimada, me dei conta de que sempre recusei água, bala, ar, e respondia, abreviando a conversa que ninguém queria ter:

-Só preciso chegar ao meu destino rápido.

Cheguei! Ainda atônita com o comportamento de Ricardo.

Nada me foi oferecido além do serviço pago.

Gostei!

Vai safadão! E na rádio tocando:

-Não tem remédio para sua dooooorrrrr…

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: